Mas, perai…

Quem são vocês?

Quem são Caru & Ju?
Quem são essa mulheres cheias de energia, de poesia, de alegria?

Conheça um pouquinho mais dessas sagitarianas, amigas, irmãs que fluem “nas Marés”.

 

Ju_nas.marés

IMG_1757
Foto por Joana Moraes

Juliana é meu nome, nascida no dia 6 de Dezembro de 1987, Sagitariana.

Apaixonada pela vida e pela natureza, Questionadora, Curiosa e Aprendiz “Profissional”, Multi Esportista, Aventureira, Exploradora – do que está dentro e do que está fora, Poeta de Caderninho/Diário.

Fui, durante muito tempo, velejadora profissional (comecei a velejar – por acaso – numa escolinha da Prefeitura do Rio na Lagoa Rodrigo de Freitas no ano 2000 – um dia escrevo um post sobre isso), Sargento da Marinha do Brasil (2009 a 2016) e também estudante de Engenharia (Naval e logo Ambiental) – agora formada, UFA!

Nos últimos anos , todos esse ciclos foram se fechando e se encerrando, lindamente. Fiz a Campanha Olímpica almejando os Jogos Olímpicos do Rio 2016, e acabei não classificando para o evento; O meu período como Sangent@ (Atleta) da Marinha finalizou após anos de muitas experiências incríveis ao lado de uma equipe maravilhosa; E finalmente meu anos de Faculdade chegavam ao fim, com a apresentação do meu Projeto Final em Engenharia Ambiental na UFF.

Com esse turbilhão de acontecimento começava a surgir a questão: “e agora? o que vai ser?”

Decidi escutar minha fadinha, minha eterna criança sonhadora. Muito inspirada por essa pequena – que para sempre me habitará, e pelo desejo de explorar mais a fundo a vida, aproveitei a oportunidade que surgiu: ciclos encerrados e uma passagem só de ida (mais uma vez “por acaso” –  também merece um post), embarquei numa jornada – interna e no momento externa – sem data pra voltar, sem planos traçados.

2017-04-29-PHOTO-00001076
Aniversário em uma época em que sonhava longe.

Entre portos seguros, e o desconhecido, a único plano é o de “navegar” pela vida, observando as (minhas) marés.

“Dona das águas tu és Mãe
Oh! Janaina Odoiá
Iluminai minhas profundas águas
Para eu decifrar misterios do meu mar
Desse meu mar de emoções
Rainha vem iluminar”
Hino de Iemanjá (Leo Artese)

E pra finalizar um poema do criador da Gestalt Terapia que me auxiliou muito nos últimos tempos. O poema sintetiza a filosofia de resgatar o contato natural e autêntico consigo mesmo, com as pessoas e com o mundo

“Seja como você é. De maneira que possa ver quem és. Quem és e como és. Deixa por um momento o que deves fazer e descubra o que realmente fazes. Arrisque um pouco, se puderes. Sinta seus próprios sentimentos. Diga suas próprias palavras. Pense seus próprios pensamentos. Seja seu próprio ser. Descubra. Deixe que o plano pra você surja de dentro de você.”

– Fritz Perls

Caru Lila

2017-05-14-PHOTO-00001725
A alguns carnavais atrás! Procura-se autor da foto.

Caru é meu nome, nascida no dia 19 de Dezembro de 1987, Sagitariana.

Se alguém me perguntasse onde eu estaria em quatro anos minha resposta seria diferente que levo agora. Dentro de mim, sempre tive o anseio de viajar muito, por aí, explorar o mundão sem porteiras, mas engavetei esse desejo bem fundo e segui uma vida conformada, esperada, normal.

Mas meu desejo foi saindo da gaveta, até que criei oportunidades para materializar meu sonho: viver-viajar-trabalhar no paraíso, perto do mar, próxima das ondas, dos animais, da natureza. Hoje é aí que eu vivo, trabalho, me divirto, me rasgo, choro, gargalho, vivo. Moro em pequeno povoado no Pacífico Sul da Costa Rica, trabalho como professora de yoga em formações para instrutores. Fora de temporada de cursos, viajo – viajo por aqui ou por lá – mas sempre viajo.

Levo a vida com leveza e doses robustas de brincadeira; gosto de gargalhar alto, movimentar o corpo e conectar-me ao outro.

2017-05-14-PHOTO-00001679.jpg
“O peixe > O pássaro” – Desenho em Nankim e aquarela por Caru Lila

Sonhei recentemente que nadava, nua, no fundo do mar, com um peixe colorido. Dançávamos um ao redor do outro em espiral até atingir a superfície. Ao chegar lá em cima, o peixe, sem ar, se aninhou em minhas mãos para proteção e então se transformou em um grande pássaro colorido e saiu voando sobre as ondas do mar.

Estou agora como o pássaro a voar sobre o mar de possibilidades. Aberta para os desafios e belezas da vida.

“Ele dança e se enrosca
Com suas curvas
Ela se enrosca e dança
Com suas cores
Seus corpos animais fluindo
No fundo do mar
Em espiral sobre à superfície”Ele dança e se enrosca
Onde, em suas mãos, o peixe
Se transforma em um colorido
Pássaro”

– Caru Lila

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

Voe Nessa

Uma viagem em benefício da Educação e da Sustentabilidade

%d blogueiros gostam disto: